Projeto

DOCA DE PESCA DO PORTO DE SETÚBAL - REPARAÇÃO DO MOLHE EXTERIOR

Categoria

Obras marítimas e portuárias

Cliente

APSS – Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra, S.A.

Localização

Funchal, Ilha da Madeira, Portugal

Ano de projeto

2012

Partilhar

DOCA DE PESCA DO PORTO DE SETÚBAL - REPARAÇÃO DO MOLHE EXTERIOR

Obras marítimas e portuárias

No dia 3 de Novembro de 2009, verificou-se um acidente no Porto de Setúbal em que esteve envolvido o navio de contentores “Safemarine Basilea”. Este navio ao sair do porto, e quando já navegava no Canal Norte, guinou cerca de 90º para estibordo e foi colidir com o molhe exterior, da Doca de Pesca do Porto de Setúbal, tendo provocado a destruição de um dos caixotões que constitui a respetiva estrutura e superestrutura. Dado o projeto da estrutura acidentada ter sido elaborado pela WW - Consultores de Hidráulica e Obras Marítimas, S.A., a APSS – Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra, S.A. adjudicou à WW a realização do Projeto de Reparação do Molhe Exterior da Doca de Pesca de Setúbal. O molhe exterior é, basicamente, um quebra-mar destacado com comprimento total de 375 metros, fundado à cota -6,50 m (ZH). Está ligado a terra por uma estacada com 62,2 metros de comprimento e 10,0 metros de largura, enraizada na extremidade poente do cais existente.

Serviços Prestados

Inspeção de toda a estrutura do molhe; Levantamento de todos os estragos detetados; Estudo de soluções alternativas para a reparação da estrutura; Projeto de Execução; Assistência Técnica.